mulher,movimento

Movimento: #Talkabouther viraliza nas redes sociais em apoio ao dia Internacional da Mulher

Campanha que tem como objetivo lembrar as mulheres o verdadeiro significado do dia Internacional da Mulher

Hoje dia 8 de março de 2020, comemora-se o dia internacional da mulher, que foi oficializado pela ONU em 1975, simbolizando a luta histórica das mulheres para terem suas condições salariais equiparadas as dos homens. Atualmente simboliza a luta das mulheres não apenas contra a desigualdade salarial, mas também contra o machismo, a violência e a discriminação de gênero que permanecem enraizados nas pessoas. A luta das mulheres pela conquista de igualdade, respeito e direitos, ainda não atingiu um patamar aceitável pela população feminina, pois a mulher continua sendo discriminada e os índices de violência praticados contra elas são alarmantes. A lei ainda é falha no quesito de proteção a mulher, no entanto, mais difícil do que mudar a lei é mudar as mentalidades. É essencial que se mudem as relações desiguais entre mulheres e homens. Somente tais mudanças conduzirão à igualdade, à liberdade e à autonomia das mulheres, cujo resultado será uma transformação social, com homens e mulheres livres, construindo um mundo mais justo e igualitário. 
Foi pensando em como o dia da mulher deve ser uma data não comemorativa, mas sim, lembrada, discutida e repensada; que duas amigas, Marielly Martins e Paula Melo,formadas em Comunicação Social: habilitação em jornalismo, lançaram a campanha #talkabouther (Fale sobre Ela), nas redes sociais. O intuito do movimento é incentivar as mulheres a falarem bem de outras mulheres, gravando um vídeo ou respondendo templates no story. No vídeo as mulheres citam outras mulheres que admiram, inspiram, que apoiam elas e que são exemplos de empoderamento.
O movimento repercutiu durante toda a semana que antecipou o dia da mulher, lembrando a todas, qual é o verdadeiro sentido desse dia tão importante, encorajando as mulheres a criarem o hábito de elogiar e apoiar umas as outras.

Quem quiser participar é só publicar um vídeo elogiando outra mulher,  para conhecer melhor o movimento e as criadoras, entrem no instragram da @paulamstos ou @mariellysmartins.

Renata Coutinho Kascher

GRADUADA EM COMUNICAÇÃO SOCIAL, GESTÃO DA COMUNICAÇÃO INTEGRADA: HABILITAÇÃO EM JORNALISMO, PELA PUC MINAS. 
EXPERIÊNCIA DE MONITORIA NA ÁREA DE JORNALISMO, LOCUÇÃO, EDIÇÃO E GRAVAÇÃO DE PROPAGANDA. 
SÓCIA PROPRIETÁRIA DO SITE IGUATAMA AGORA.
CASADA, MÃE DE DOIS FILHOS, ENGAJADA NAS CAUSAS FILANTRÓPICAS, PROTETORA DOS ANIMAIS. 
UMA DAS FUNDADORAS DA ASSOCIAÇÃO PROTETORA DOS ANIMAIS, QUATRO PATAS DE AMOR, DE IGUATAMA-MG.
PRATICANTE E APAIXONADA POR ESPORTES, EMPENHADA EM FAZER UM JORNALISMO TRANSPARENTE, DE BOA QUALIDADE E INFORMATIVO.

Comente