Solidariedade

Campanha para salvar milhares de animais silvestres no Pantanal arrecada mais de R$ 1 milhão

Campanha VOAA Pantanal em Chamas arrecada fundos para salvar a vida dos milhares de animais silvestres carbonizados no Pantanal.

Por aproximadamente um mês e meio o Pantanal está sendo consumido pelo fogo. São registros muito, mas muito tristes de animais carbonizados e sofrendo com graves queimaduras.
Sozinhos, um batalhão de voluntários e instituições tem feito de tudo para resgatar e amenizar a dor desses animais.

Liderada pela ONG Ampara Silvestre, a campanha Pantanal em Chamas está arrecadando recursos financeiros para manter as equipes e estruturas eficientes de resgate a esses animais.

A boa notícia diante dessa tragédia é a solidariedade das pessoas em salvar essas vidas! As doações para a vaquinha chegaram a mais de R$ 1 milhão em poucos dias!

Com esse valor, a ONG já está investindo em medicamentos, equipamentos de resgate e uso veterinário; veículos para resgate, alimentação dos animais em reabilitação e muito mais!
Infelizmente a previsão é que essa tragédia perduro por mais dias.

Por isso, cada centavo dessa campanha será usado para salvar esses animais, principais vítimas.
A área queimada no Pantanal já passa de 2 milhões de hectares, tamanho referente a 10 vezes as cidades de SP e RJ juntas.

O fogo também atingiu um parque no local onde há maior concentração de onças-pintadas. É muito triste! Segundo apontam perícias feitas no local, os incêndios foram provocados por ação humana.
“Os poucos animais encontrados com vida chegam em estado gravíssimo e estamos fazendo o melhor possível por eles”, afirmou Juliana Camargo, presidente da Ampara.

Os resgates não param!

São milhares de animais silvestres carbonizados ou com partes do corpo queimadas: serpentes, lagartos, jabutis, jacarés, tamanduás, macacos e tantas outras espécies que povoam o Pantanal.

Para salvar esses animais, estamos com campanha na VOAA Pantanal em Chamas. Clique aqui e contribua com a campanha.
As antas, chamadas de “jardineiras da floresta” por serem um importante dispersor de sementes, são animais lentos e têm muita dificuldade em conseguir escapar das chamas.
Uma força-tarefa coordenada pelo Comitê do Fogo (órgão colegiado que reúne diversas instituições de governo, terceiro setor e iniciativa privada) construiu um Posto de Atendimento Emergencial a Animais Silvestres – PAEAS Pantanal.

Sobre a ONG AMPARA

Em atividade desde 2010, A AMPARA Animal nasceu quando as fundadoras Juliana Camargo e Marcele Becker se uniram por amor e respeito aos animais.
Em 2015, se tornou a instituição que mais ajuda animais no país, ao se tornar uma “ONG mãe” que ampara mais de 450 abrigos cadastrados em nível nacional.

Comente