Operação Policial

Cães Argos e Athos do Grupo de Operações com cães de Lagoa da Prata localizam entorpecentes em meio a vegetação próxima a horta comunitária da cidade

Através de denúncia anônima o Grupo de Operações com Cães se deslocou para averiguar possível tráfico de entorpecentes.

Na data de ontem quarta- feira (16), durante operação Batida policial a equipe do Grupo de Operações com Cães GCM , realizou deslocamento até o bairro Marília em Lagoa da Prata. Através de informação anônima, dava ciência de que estaria acontecendo tráfico de entorpecentes na esquina da horta comunitária e que o traficante estaria mexendo no mato.

Chegando ao local não havia nenhuma pessoa suspeita,onde de imediato a equipe GOC-CANIL com apoio do cão Argos e Athos realizaram varredura no local, onde se logrou êxito na localização de várias porções substancia análoga a maconha em meio a vegetação.

Os cães Argos e Athos em continuidade lograram êxito na localização de mais porções de substância análoga a maconha e uma caixa de fósforo contendo resquícios de substância a crack.

A equipe recebeu novas informações de que em uma rua acima teria mais drogas escondidas e onde com apoio dos cães Argos e Athos foi localizado mais porções de substância análoga a maconha em meio as folhas de árvores.
 
O material foi apreendido e recolhido e será encaminhado à Delegacia de Policia Civil de Lagoa da Prata.

Comente