Ansiedade

A ansiedade na Pandemia

Sabemos que a ansiedade vem sendo fiel companheira de muitos já há tempos. Nos últimos anos temos todos vivido tempos de correria, desencontros, excesso de compromissos e obrigações e falta de tempo para nós mesmos. Talvez nem se tratasse (nestes últimos anos) de mera falta de tempo, mas uma falta de consciência da necessidade do auto-cuidado, da urgência em olhar para si mesmo e perceber tudo o que está fora do lugar para irmos nos reorganizando de tempos em tempos. Agora, nesse momento tão novo à todos nós temos nos encontrado em situações de extremo estresse e, consequentemente, diversos sintomas de ansiedade. Se estamos em casa com tempo ocioso, temos tempo para sentir medo; se não podemos ficar em casa, sentimos medo sem tempo de ressignificar isto; se alternamos entre casa e rotina fora do espaço familiar, vamos mesclando medo, correria, obrigações e aquele tempo para olhar para nós mesmos passa a ser algo que não tem importância.  “E eu lá tenho tempo pra ser zen, minha filha” - Ouvi esses dias. Rimos, mas por dentro ficamos reflexivas, eu e quem disse. Porque quando falo: “Vamos Respirar!”, não estou falando de sentar em posição de lótus, entoar mantras e entrar em profunda Meditação... Quando eu digo: “Vamos Respirar!”, estou dizendo que precisamos (e com urgência) termos tempo para nós mesmos. Não importa se você é uma mãe, que trabalha fora, tem 1º, 2º e 3º tempo; você precisa do Seu Tempo! Não importa se você é um jovem que está aproveitando o tempo em casa para se preparar para futuros concursos e tem estudado “sem parar”; você precisa do Seu Tempo! Não importa se você é um paizão de família, se encontra na posição de provedor por questões diversas e precisa trabalhar incessantemente; você precisa do Seu Tempo. Não importa se parece que não há tempo: Há! Confesso que as vezes sinto que eu precisaria de um dia de umas 27 horas para dar conta de tudo, mas, aprendi: Preciso do Meu Tempo, entende? Então, todos os dias, tire um tempo para você, para se olhar, se perceber, se abraçar, se perguntar qual parte está mais pesada e o que pode fazer para deixar tudo um pouco mais leve. Pode ser a hora do banho, pode ser o caminho ao trabalho, pode ser depois que todos já foram dormir, pode ser entre uma obrigação e outra; o que não pode é se permitir acreditar que tem que haver tempo para tudo e você fica para depois. Não! Você precisa do Seu Tempo e é Agora. A ansiedade é o espaço que fica entre o Agora e o Depois... é como se ficássemos flutuando em um lugar que não existe e não chegamos a lugar nenhum; por isso é comum as pessoas ansiosas dizerem: “Ando tão ansioso que não estou conseguindo fazer nada!”. Portanto, eu te digo: Respire! 
A máscara não ajuda, o contexto não ajuda, as notícias ruins não ajudam, o pessimismo alheio não ajuda... eu sei. Sabe o que ajuda? Decidir devolver a si mesmo o que lhe foi tirado sem nem mesmo perceber: Seu Tempo. 
Pare, se abrace, respire. 
 

Suelen Dias

OLÁ! MEU NOME É SUELEN DIAS. ME FORMEI EM PSICOLOGIA PELA PUC MINAS, EM TERAPIAS COMPLEMENTARES E NATURALISTAS PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA E TREINADORA MOTIVACIONAL PELA SOCIEDADE BRASILEIRA DE COACHING. DESENVOLVO DIVERSOS TRABALHOS EM GRUPOS TERAPÊUTICOS NA REDE PARTICULAR E PÚBLICA VOLTADOS AO AUTO-CONHECIMENTO E AUTO-SUPORTE POR MEIO DA RESPIRAÇÃO. TRABALHO COMO PSICOTERAPEUTA DE PACIENTES INDIVIDUAIS ADULTOS, CRIANÇAS, CASAIS E FAMÍLIAS SEMPRE EM UMA MESMA VERTENTE: BUSCAR ENTENDER O QUE SE PASSA TRAZENDO TUDO PARA O AGORA. NUNCA DEIXE DE BUSCAR SUPORTE SE JÁ NÃO FOR POSSÍVEL SOLUCIONAR SOZINHO O QUE O ATORMENTA!

AGENSAMENTOS PARTICULARES PELO DIRECT DO INSTAGRAM @terapeutasuelendias

Comente